sexta-feira, 21 de maio de 2010

'El Lobo' Fischer

Dados estatísticos e súmulas: pesquisa de Pedro Varanda; texto: Claudio Falcão

Na atualidade temos o atacante uruguaio 'El Loco' Abreu, convocado a disputar a próxima copa do mundo pelo seu país de origem, mas na década de 70 a torcida botafoguense tinha entre os seus maiores ídolos o goleador do selecionado argentino 'El Lobo' Fischer, numa época em que contávamos no nosso elenco simplesmente com o 'Furacão da Copa' de 1970, Jairzinho.

Rodolfo José Fischer nasceu em 1944 na cidade de Oberá (província de Misiones - Argentina), tendo sido revelado pelo tradicional C.A. San Lorenzo de Almagro, chegando ao Botafogo em 1972. No mesmo ano foi vice-campeão brasileiro e disputou a Taça Libertadores da América em 1973.

Fischer e Jairzinho, na capa da revista
'Grandes Clubes Brasileiros' - Botafogo (1972)

Seguem os dados estatísticos e súmulas, nesta minuciosa pesquisa de Pedro Varanda:

Fischer atuou pelo Botafogo entre 1972 e 1976, marcando 68 gols em 180 jogos e conquistando pelo Glorioso os seguintes títulos:

= Campeão do Torneio Independência do Brasil (Brasília - 1974) e
= Campeão da Taça Augusto Pereira da Motta (2º Turno do Campeonato Estadual) (1975).

Estreia de Fischer pelo Botafogo, em 30/07/1972 e alguns jogos:

BOTAFOGO 1 x 0 FLUMINENSE (RJ)
Data: 30/07/1972
Local: Maracanã (Rio de Janeiro)
Renda: Cr$249.250,00
Público: 35.713
Árbitro: Romualdo Arppi Filho
Assistentes: José Leite Santos e José Soares
Competição: Campeonato Carioca
Gol: Ferretti, de voleio, aos 40' do 2º tempo
Botafogo: Wendell, Luiz Cláudio, Brito, Scala e Waltencir; Nei Conceição, Carlos Roberto e Dorinho; Zequinha, Fischer e Jairzinho (Ferretti). Técnico: Elba de Pádua Lima "Tim"
Fluminense: Jorge Vitório, Oliveira, Ary Ercílio, Assis e Marco Antônio; Denílson e Silveira (Didi); Cafuringa, Jair, Artime (Ivair) e Lula. Técnico: Paulo Lima Amaral
Obs.: Jairzinho desperdiçou um pênalti aos 14' do 2º tempo (Jorge Vitório defendeu).
Fontes: Jornal do Brasil, Jornal dos Sports e O Globo

BOTAFOGO 6 x 0 FLAMENGO
Data: 15/11/1972
Local: Maracanã (Rio de Janeiro)
Renda: Cr$289.772,00 / Público: 46.279
Árbitro: José de Assis Aragão
Competição: Campeonato Brasileiro
Gols: Jairzinho, aos 15', Fischer, aos 35' e 41' do 1º tempo; Jairzinho, aos 23' e 38' (de letra) e Ferretti, aos 42' do 2º tempo
Botafogo: Cao, Mauro Cruz, Waltencir, Osmar e Marinho Chagas; Carlos Roberto, Nei Conceição e Ademir Vicente (Marcos Aurélio); Zequinha, Fischer (Ferretti) e Jairzinho. Técnico: Sebastião Leônidas
Flamengo: Renato, Moreira, Chiquinho Pastor, Tinho e Rodrigues Neto; Liminha, Zanata (Mineiro) e Paulo Cézar Caju; Rogério (Caio), Humberto e Fio Maravilha. Técnico: Zagallo
Obs.: 1) O C.R. Flamengo, em seu aniversário, recebeu um presente de grego; 2) Sensacional vitória!
Fontes: Jornal do Brasil e Revista Placar

BOTAFOGO 1 x 0 CORINTHIANS
Data: 06/09/1974
Local: Hélio Prates da Silveira (Brasília)
Árbitro: Adélio Nogueira
Competição: Torneio Independência do Brasil
Gol: Nílson Dias, aos 43' do 2º tempo
Botafogo: Wendell, Waltencir, Mauro Cruz, Osmar e Marinho Chagas; Nei Conceição, Marcos Aurélio e Dirceu; Puruca, Fischer (Jorge Luís) e Nílson Dias. Técnico: Zagallo
Corinthians: Ado, Zé Maria, Brito, Pescuma e Vanderlei; Tião e Rivellino (Adão); Vaguinho (Ivan), Lance, Zé Roberto e Pita (Pery). Técnico: Sylvio Pirillo
Obs.: O Botafogo se classificou para a final do torneio.
Fontes: Jornal do Brasil e Jornal dos Sports

BOTAFOGO 1 x 0 VITÓRIA (BA)
Data: 08/09/1974
Local: Hélio Prates da Silveira (Brasília)
Árbitro: Édson Rezende
Assistentes: Cid Fonseca e Adélio Nogueira
Competição: Torneio Independência do Brasil
Gol: Nílson Dias, aos 8' do 1º tempo
Botafogo: Wendell, Waltencir, Mauro Cruz, Osmar e Marinho Chagas; Nei Conceição, Marcos Aurélio e Dirceu; Nilson Dias, Puruca e Fischer (Jorge Luís). Técnico: Zagallo
Vitória: Agnaldo, Roberto Oliveira, Válter, Vavá (Róbson) e Valença; Roberto Meneses, Gibira e Mário Sérgio; Osni, André e Davi. Técnico: Bengalinha
Obs.: Botafogo, campeão do Torneio Independência do Brasil.
Fonte: Jornal dos Sports

Último jogo de Fischer pelo Botafogo, em 31/01/1976:

BOTAFOGO 4 x 0 SELEÇÃO DE JUIZ DE FORA (MG)
Data: 31/01/1976
Local: José Procópio Teixeira (Juiz de Fora)
Árbitro: Juan de La Pasion Artez
Competição: Amistoso
Gols: Antônio Carlos (2), Fischer e Artur
Botafogo: Wendell (Ubirajara Alcântara), Miranda (Waltencir), Chiquinho Pastor (Osmar), Nílson Andrade e Marinho Chagas; Carlos Roberto (Carbone), Ademir Vicente e Manfrini (Artur); Antônio Carlos, Fischer e Nivaldo. Técnico: Telê Santana
Seleção de Juiz de Fora: Fernando Borelli, Zezinho (Nílton), Betinho I, João Batista e Márcio; Luís Carlos, Betinho II e Samarone; Edinho, Lima e Fernando Dutra (Foca). Técnico: Fonseca
Obs.: 1) Artur "Pai D'Égua" atuou no meio-campo, posição em que jogava no Ceará S.C.; 2) Jogo encerrado aos 38' do 2º tempo, por falta de luz.
Fontes: Jornal do Brasil e Jornal dos Sports

2 comentários:

  1. Boa noite,

    É ótimo lembrar que foi a segunda vez que El Furacon da Copa de 1970 (Jairzinho), companheiro de El Lobo Fischer no Botafogo, venceu o CR Flamengo por 6 a 0, veja quando foi a primeira:

    BOTAFOGO 6 x 0 FLAMENGO
    Data: 16 / 06 / 1963
    Local: General Severiano, Rio de Janeiro
    Árbitro: Carlos Floriano Vidal
    Competição: Campeonato Carioca de Juvenis
    Gols: Mário (contra), aos 2’ e Othon, aos 24’ (1° tempo); Roberto, aos 9’, Othon, aos 15’, Roberto, aos 20’ e Dedé, aos 29’ (2° tempo)
    Botafogo: Hélio Dias, Mura, Zé Carlos, Adevaldo e Dimas; Luiz Carlos Theodoro e Arlindo; Jairzinho, Roberto, Dedé e Othon
    Flamengo: Gustavo, Lima, Elci, Mário e Paulinho; José Roberto e Fraga; Juarez, Maurélio, Fio e Osmar

    Saudações Alvinegras

    ResponderExcluir
  2. Belas recordações!
    Bom seria que outras vitórias assim voltassem a acontecer...
    E que equipe poderosa, com seis jogadores que atuaram e foram campeões pela seleção brasileira nos Jogos Pan-americanos de 1963: Hélio Dias, Zé Carlos, Adevaldo, Arlindo, Jairzinho e Othon.

    Obrigado pela súmula...
    ... e Saudações Botafoguenses!

    ResponderExcluir