domingo, 17 de setembro de 2017

Paulinho Criciúma

texto: pesquisa de Claudio Falcão; dados estatísticos e fichas técnicas: Pedro Varanda


Paulo Roberto Rocha, o Paulinho Criciúma, nasceu a 30 de agosto de 1961 na cidade de Criciúma (SC).

Foi um meia-atacante que iniciou sua carreira no principal clube de sua cidade, o Criciúma E.C., depois atuando pelo América F.C. (SP), vindo para o Rio de Janeiro em 1984 para atuar no Bangu A.C., tendo jogado por empréstimo no Posco Atoms (Coreia do Sul) em 1985, transferindo-se para o Botafogo F.R. somente em 1988, onde ficou até 1990. Em setembro/1990 teve seu passe negociado com o S.C. Internacional (RS) e, mais tarde, deste para o Nagoya Grampus (Japão).

Atualmente é comentarista esportivo.

Paulinho Criciúma foi campeão da Taça Rio (1989) e bicampeão estadual (1989-1990) pelo Botafogo, tendo ainda conquistado o Torneio de Palma de Mallorca (1988) e o Torneio da Amizade (Veracruz/MÉX – 1990).

Durante sua vitoriosa passagem pelo Alvinegro carioca disputou 117 partidas, marcando 38 gols, entre 1988 e 1990.

Estreia de Paulinho Criciúma no Botafogo:

BOTAFOGO 8 x 0 ENTRERRIENSE F.C. (RJ)
Data: 23/01/1988
Local: Estádio Odair Gama (Três Rios)
Competição: Amistoso
Gols: Cláudio Adão (3), Vítor (2), Carlos Alberto Santos, Jéferson Gaúcho e Hélder
Botafogo: Alvez (Jorge Lourenço), Melo (Ronaldo), Jocimar, Wilson Gottardo e Wanderley; Mauro Galvão, Carlos Alberto Santos (Vítor) e Jéferson Gaúcho (Marco Antônio Teixeira); Hélder, Paulinho Criciúma e Cláudio Adão. Técnico: Zé Carlos
[Fonte: BFR.]

Última partida de Paulinho Criciúma pelo Botafogo:

BOTAFOGO 1 X 1 DESPORTIVA (ES)
Data: 22/06/1990
Local: Estádio Engenheiro Araripe (Vitória)
Competição: Copa do Brasil
Gol do Botafogo: Paulo Roberto
Botafogo: Ricardo Cruz, Paulo Roberto, Wilson Gottardo, Gonçalves e Renato Martins; Carlos Alberto Santos, Luisinho e Djair; Carlos Alberto Dias, Valdeir e Gustavo (Paulinho Criciúma). Técnico: Joel Martins
[Fonte: BFR.]

quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Botafogo e Grêmio ficaram no 0 a 0 pela Libertadores

por Claudio Falcão


Jogando na noite desta quarta-feira no Estádio Nílton Santos, o Botafogo empatou em 0 a 0 com o Grêmio (RS), no jogo de ida pelas quartas de final da Copa Libertadores da América.

"Não se veste, tem-se a honra"
(foto: Sátiro Sodré/SS Press/Botafogo)

Não foi a partida que esperávamos, pois o Alvinegro esbarrou numa forte marcação exercida pelos gremistas, apesar destes atuarem desfalcados de dois de seus principais jogadores, Geromel e Luan. E que ainda assim perderam duas claras oportunidades de gol, uma que parou em excelente defesa de Gatito Fernández, ainda no primeiro tempo, e outra, agora na segunda etapa, salva quase em cima da linha por Joel Carli.

Entretanto, contando com a má atuação do árbitro venezuelano, tivemos uma penalidade máxima não assinalada em cima do lateral Gílson, no tempo final.

Vamos agora aguardar pelo próximo dia 20/09, quando teremos o jogo de volta, a realizar-se em Porto Alegre.

(Foto: Vítor Silva/SS Press/Botafogo)

Ficha Técnica:

BOTAFOGO F.R. 0 x 0 C. GRÊMIO F.B.P.A. (RS)
Data: 13/09/2017
Local: Estádio Olímpico Nílton Santos (Engenhão), Rio de Janeiro
Arbitragem: José Argote (VEN), auxiliado por Luis Murillo e Carlos López
Renda / Público: R$2.029.375,00 / 33.235 pagantes e 36.034 presentes
Cartões amarelos: Rodrigo Pimpão e Matheus Fernandes (Botafogo)
Botafogo: Gatito Fernández, Arnaldo, Joel Carli (capitão), Ígor Rabello e Gílson; Matheus Fernandes, João Paulo (Rodrigo Lindoso), Bruno Silva e Léo Valencia (Marcos Vinícius); Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Roger. Técnico: Jair Ventura
Grêmio: Marcelo Grohe, Edílson, Bressan, Kannemann e Cortês; Jaílson, Arthur, Ramiro e Léo Moura (Rafael Thyere); Fernandinho e Lucas Barrios (Éverton). Técnico: Renato Portaluppi

[Fonte: Extra.]

quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Algumas Formações do Botafogo em 1946

pesquisa de Claudio Falcão

Hoje apresentamos três formações do Botafogo de 1946, que infelizmente não nos foi possível identificar em que partidas intervieram.

(Imagem: Esporte Ilustrado)

Da direita para a esquerda: Oswaldo 'Baliza', Gérson, Belacosa,
Heleno, Tovar, Geninho, Nílton, Ivan, Juvenal, Braguinha e Nilo
(imagem: Esporte Ilustrado)

Da esquerda para a direita: Ary, Gérson, Octavio, Tovar, Tim,
Pardal, Ivan, Lusitano, Spinelli, Negrinhão e Nilo
(imagem: Esporte Ilustrado)

domingo, 3 de setembro de 2017

Escudo Botafoguense 'Multiestrelado'

Recebemos, numa gentileza do amigo pesquisador botafoguense Pedro Varanda, a imagem deste escudo do Alvinegro carioca, encimado pelas estrelas correspondentes aos mais representativos títulos da Gloriosa História do Clube no futebol: as quatro douradas, referentes ao único tetracampeonato carioca conquistado no campo de jogo (1932-1933-1934-1935); as duas verdes, relativas aos títulos brasileiros (1968 e 1995) e a azul, à conquista da Copa Conmebol (Sul-Americana) (1993).

A concepção é do também botafoguense Auriel de Almeida.

Arte: Auriel de Almeida

quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Uma Formação do Botafogo em 1945

pesquisa de Claudio Falcão

Segue a formação do Botafogo que atuou no Torneio Início, disputado em São Januário a 22/04/1945: Ary, Laranjeira (Negrinhão) e Lusitano; Ivan, Papetti e Cid; Afonsinho, Oswaldinho, Octavio, Tim e René.

(Imagem: Diário de Notícias)

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Algumas Formações do Botafogo em 1944

pesquisa de Claudio Falcão

Temos adiante a equipe do Botafogo que competiu no Torneio Início, realizado a 26/03/1944: Oswaldo ‘Baliza’, Laranjeira e Lusitano; Zarcy, Santamaria e Negrinhão; René, Geninho, Octavio, Tovar e Reginaldo.

(Imagem: O Globo Sportivo)

E seguem duas formações do Alvinegro que não consegui identificar em que partidas estiveram em ação.


(Imagem: Esporte Ilustrado)

sábado, 19 de agosto de 2017

Botafogo Campeão da Taça Guanabara de Futebol Sub-13 de 2017

pesquisa de Claudio Falcão

(Foto: site oficial do Botafogo F.R.)

Em partida realizada na tarde deste sábado no estádio da Gávea, a garotada sub-13 (mirim) do Botafogo derrotou a equipe do C.R. Flamengo por 1 a 0, gol de Jhonnatha, conquistando a Taça Guanabara da categoria, correspondente ao primeiro turno do Campeonato Metropolitano, e garantindo-se na final da competição.

Quartas de Final:

15/07 – CT CEFAT (Várzea das Moças) – Botafogo 7 x 2 Madureira E.C.
Gols do Botafogo: Matheus Nascimento (3), Ramon, Jhonnatha, Kayan e 1 gol contra.

Semifinal:

12/08 – CT Vale das Laranjeiras (Xerém) – Fluminense F.C. 0 x 0 Botafogo (nos pênaltis: Botafogo 4 a 3)
Botafogo: Thiago (Rudson), Rhuan, João Lucas, Yuri e Ramon; Massa, Kayan, Zezinho e Matheus Nascimento; Jhonnatha e Diego.

Final:

19/08 – Gávea – C.R. Flamengo 0 x 1 Botafogo
Gol: Jhonnatha, aos 28’ (2º tempo).
Botafogo: Thiago, Rhuan, João Lucas, Yuri e Ramon; Massa, Kayan, Zezinho e Matheus Nascimento; Jhonnatha e Diego.

Técnico campeão: Vinícius Durante.

[Fonte: site oficial do Botafogo F.R.]

quarta-feira, 16 de agosto de 2017

Algumas Formações do Botafogo em 1943

pesquisa de Claudio Falcão

Iniciamos com o quadro do Botafogo, agora com a tradicional camisa da estrela solitária, que a 24/03/1943 empatou em 3 a 3 com o América F.C., pelo Torneio Relâmpago, tendo marcado Geninho (2) e Octavio para o Alvinegro: Ary (Aymoré), Caieira e Dunga; Ruy (Hélio), Santamaria e Zarcy; Afonsinho, Gonzalez, Heleno, Octavio e René (Geninho).

(Imagem: O Globo Sportivo)

Temos a seguir uma formação de 1943, que não consegui identificar em que jogo esteve em ação.

(Imagem: Esporte Ilustrado)

Concluímos com a equipe alvinegra que a 28/03/1943 atuou em sua primeira partida do Torneio Início, realizado no estádio do Fluminense F.C.: Aymoré, Hernandez e Dunga; Ivan, Santamaria e Zarcy; Afonsinho, Magnones, Paschoal, Geninho e Pirica.

(Imagem: O Globo Sportivo)

segunda-feira, 14 de agosto de 2017

Campanha do Botafogo na Taça Ouro de Voleibol Masculino 2017

pesquisa de Claudio Falcão

(Foto: https://www.facebook.com/BotafogoVoleiOficial/)

Os esforços foram grandes, mas ainda não foi desta vez que o voleibol adulto masculino do Botafogo conseguiu seu lugar na Superliga A, a elite do esporte no Brasil.

Jogando na noite deste domingo no Ginásio Oscar Zelaya (General Severiano), onde toda a competição foi disputada, o Alvinegro carioca foi derrotado pela equipe paulista do Corinthians/Guarulhos por 3 sets a 1, na decisão da Taça Ouro 2017, e agora terá que aguardar uma nova oportunidade para chegar à 1ª Divisão nacional.

De imediato, o Botafogo voltará suas forças para o Campeonato Estadual, que terá início no próximo mês de setembro.

Resultados:

11/08 – Botafogo 3 x 0 Rádio Clube/AVP (MS) – 25x18, 25x23 e 25x16
Preliminar: Castro (PR) 3 x 2 Corinthians/Guarulhos (SP)

12/08 – Botafogo 3 x 2 Castro (PR) – 25x23, 24x26, 22x25, 25x23 e 15x10
Preliminar: Corinthians/Guarulhos (SP) 3 x 0 Rádio Clube/AVP (MS)

13/08 – Botafogo 1 x 3 Corinthians/Guarulhos (SP) – 20x25, 20x25, 30x28 e 19x25
Preliminar: Castro (PR) 3 x 0 Rádio Clube/AVP (MS)

Time-base: Marcelinho (2), Alex Damião (8), Renan (9), Robinho (14), Willian Reffatti (19) e Thiago Aranha (1); líbero: Filipe Stolberg (10).

Técnico: Mauro Lima.

Colocação final do Botafogo: 3º lugar.

[Fontes: www.cbv.com.br e site oficial do Botafogo F.R.]

sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Botafogo derrotou o Nacional e está nas Quartas

por Claudio Falcão


Numa partida praticamente decidida nos seus primeiros cinco minutos, o Botafogo derrotou por 2 a 0 o Nacional (URU) na noite desta quinta-feira no Estádio Nílton Santos, gols de Bruno Silva (de cabeça) e Rodrigo Pimpão, classificando-se assim para as quartas de final da Copa Libertadores da América. Colo-Colo, Olimpia, Estudiantes, Atlético Nacional e Nacional, todos grandes campeões continentais, já foram derrubados, e na próxima fase o adversário do Glorioso será o Grêmio (RS).
 

É uma redundância falar em mais um grande espetáculo proporcionado pela maravilhosa Torcida Alvinegra, fora do estádio, com um estrondoso foguetório, e dentro, com uma linda festa e os seus cantos de incentivo.

E por falar em Rodrigo Pimpão, o atacante, com o gol marcado neste jogo, igualou-se ao grande Jairzinho e a Dirceu, como os maiores goleadores botafoguenses em copas Libertadores, com cinco tentos, tendo boas possibilidades de alcançar a liderança isolada nesta mesma edição da Copa.

A nota negativa ficou por conta da lamentável atitude de alguns jogadores do Nacional, apelando para a violência, ante a derrota iminente, bem como a reação de parte de seus torcedores, arrancando e arremessando cadeiras, no setor a eles destinado no estádio.

(Foto: site oficial do Botafogo F.R.)

Ficha Técnica:

BOTAFOGO F.R. 2 x 0 C. NACIONAL DE F. (URU)
Data: 10/08/2017
Local: Estádio Olímpico Nílton Santos (Engenhão), Rio de Janeiro
Arbitragem: Wilmar Roldán (COL), auxiliado por Wilmar Navarro e John Alexander León
Renda / Público: R$2.470.795,00 / 36.133 pagantes e 40.050 presentes
Gols: Bruno Silva, aos 2’ e Rodrigo Pimpão, aos 5’ (1º tempo)
Cartões amarelos: Matheus Fernandes, João Paulo, Roger e Dudu Cearense (Botafogo); Silveira, Rodríguez, Ramírez e Arismendi (Nacional)
Cartões vermelhos: Victor Luís (Botafogo); Polenta, Rodríguez e Aguirre (Nacional)
Botafogo: Gatito Fernández, Luís Ricardo, Joel Carli (capitão), Ígor Rabello e Victor Luís; Rodrigo Lindoso, Matheus Fernandes (Dudu Cearense), Bruno Silva e João Paulo; Rodrigo Pimpão (Guilherme) e Roger (Gílson). Técnico: Jair Ventura
Nacional: Conde, Fucile (Barcia), Rogel, Polenta e Espino; Arismendi, González (Silveira) e Rodríguez; Viudez, Aguirre e Fernández (Ramírez). Técnico: Martín Lasarte

[Fontes: Lance! e Extra.]

domingo, 6 de agosto de 2017

Jogadores Estrangeiros no Basquetebol Botafoguense

pesquisa de Claudio Falcão

No dia 30/06/2017 o Botafogo conquistou o título da Liga Ouro de Basquetebol adulto masculino, o que garantiu sua participação na elite do esporte nacional na temporada 2017-2018.

E do elenco alvinegro fizeram parte três jogadores norte-americanos, Jamaal, Phill e Wes.

Sendo assim, julguei interessante fazer uma pesquisa para listar os atletas estrangeiros que já competiram no basquetebol botafoguense.

É a relação que segue:

Ralph

(Imagem: Esporte Ilustrado)

= Ralph Leon Cruise (USA) – chegou ao Botafogo em 1945, conquistando no mesmo ano o Troféu Guilhermina Guinle e o Campeonato Carioca, além do vice-campeonato carioca em 1946, quando foi o cestinha da competição, com 151 pontos.

Thompson

(Imagem: Jornal dos Sports)

= George Samuel Thompson (USA) – ala; atuou pelo Botafogo em 1985, porém já tinha jogado pelo Flamengo (1975), Municipal (1978), Vasco da Gama (1981) e Fluminense (1983). E em 1987 ainda atuou pelo América. Conquistou pelo Botafogo a Taça Independência em 1985, em disputa com a seleção de Angola.

Morales

(Imagem: Luiz Pinto - O Globo)

= Félix Morales Alfonso (CUB) – pivô do selecionado cubano. Atleta olímpico (Montreal-1976 e Moscou-1980), conquistou pelo Botafogo a Taça Independência em 1985, em disputa com a seleção de Angola, tendo defendido o Alvinegro no returno do campeonato estadual daquele ano.

Dubois

(Imagem: Dilmar Cavalher - Jornal do Brasil)

= Raúl Dubois Cumba (CUB) – ala do selecionado cubano. Atleta olímpico (Moscou-1980), conquistou pelo Botafogo a Taça Independência em 1985, em disputa com a seleção de Angola, tendo defendido o Alvinegro no returno do campeonato estadual daquele ano.

Baker e Mukes

(Imagem: Damião Ribeiro - Jornal dos Sports)

= Derrek Chad Lopez Baker (USA) – ala; campeão estadual pelo Botafogo em 1991. Ainda disputou o Campeonato Brasileiro (Liga Nacional) de 1992 pelo Botafogo.

= Robert Allen Mukes (USA) – pivô; campeão estadual pelo Botafogo em 1991. Também disputou o Campeonato Brasileiro (Liga Nacional) de 1992 pelo Botafogo.


Bates

= Luther Bates (USA) – ala-pivô; atuou pelo Botafogo no Campeonato Estadual de 1997.

Williams

= Mike Williams (USA) – pivô; jogou pelo Botafogo no Campeonato Estadual de 1997.

Byrd

(Imagem: revista 'Botafogo')

= Warren George Byrd (USA) – pivô; competiu pelo Botafogo no Campeonato Brasileiro de 1999.

Smith

= Adam Smith (USA) – ala; disputou pelo Botafogo o Campeonato Brasileiro de 2000.

Nelson

= Keith Nelson (USA) – ala-pivô; atuou pelo Botafogo no Campeonato Estadual de 2000 e no Campeonato Brasileiro de 2001.

Jaja Richards

= Jaja Richards (USA) – pivô; veio para o Botafogo em março/2001, onde competiu no Campeonato Brasileiro do mesmo ano.

Wes

(Foto: Sátiro Sodré/SS Press/Botafogo)

= Wesley (Wes) Lyron Russell Jr. (USA) – ala; veio para o Botafogo em setembro/2016. Campeão da Liga Ouro (2017) pelo Botafogo.

Phill

= Phillip (Phill) Ryan Flowers (USA) – ala; veio para o Botafogo em setembro/2016. Campeão da Liga Ouro (2017) pelo Botafogo.

Jamaal

(Foto: Sátiro Sodré/SS Press/Botafogo)

= Jamaal Thaddius Smith (USA) – armador. Anteriormente atuou pelo Macaé Basquete (RJ) e pelo São José (SP), vindo para o Botafogo em fevereiro/2017, sendo campeão da Liga Ouro (2017) e eleito o MVP da competição.

Notas: 1) José Antônio Oliveira Ribeiro Gonçalves, o Zé Antônio, é português de nascimento, tendo iniciado no basquetebol no Botafogo, ainda na adolescência, sendo bicampeão carioca (1966-1967) e campeão da Taça Brasil (1967) pelo Alvinegro; 2) Gerasime Nicolas Bozikis, o Grego, que durante muitos anos foi presidente da Federação de Basquetebol do Estado do Rio de Janeiro (FBERJ) e da Confederação Brasileira de Basketball (CBB), grego de nascimento, veio para o Brasil na adolescência e, quando jogador defendeu, entre outros clubes, o Tijuca T.C. Botafogo F.R., pelo qual foi vice-campeão carioca em 1973.
 

[Fontes: Esporte Ilustrado, Jornal do Brasil, Jornal dos Sports, O Globo O Globo Sportivo.]

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Algumas Formações do Botafogo em 1942

pesquisa de Claudio Falcão

Começamos com a equipe do Botafogo que a 17/05/1942 empatou em 1 a 1 com o Fluminense F.C., em São Januário, gol de Geninho: Ary, Caieira e Borges; Ivan, Santamaria e Zarcy; Lula, Geninho, Heleno, Gonzalez e Patesko.

(Imagem: O Globo Sportivo)

Seguimos com a formação alvinegra que a 14/06/1942 derrotou por 3 a 2 o Madureira A.C., no campo deste, marcando Gonzalez e Lula (2) para as nossas cores: Ary, Caieira e Borges; Ivan, Santamaria e Zarcy; Lula, Geninho, Heleno, Gonzalez e Pirica.

(Imagem: Esporte Ilustrado)

Agora temos a equipe do Glorioso que a 21/06/1942 empatou em 2 a 2 com o C.R. Flamengo, em General Severiano, gols de Heleno e Pirica, tendo atuado com a mesma formação da partida anterior.

Da esquerda para a direita, em pé: Caieira, Santamaria, Ary, Borges,
Ivan e Zarcy; agachados: Lula, Geninho, Heleno, Gonzalez e Pirica
(imagem: Esporte Ilustrado)

Adiante temos a equipe alvinegra que derrotou por 2 a 1 o Fluminense F.C., jogando a 19/07/1942 em General Severiano, gols de Gonzalez e Heleno: Ary, Caieira e Borges; Zarcy, Santamaria e Alberto; Patesko, Geninho, Heleno, Gonzalez e Pirica.

Da esquerda para a direita, em pé: Caieira, Borges, Alberto, Santamaria,
Zarcy e Ary; agachados: Patesko, Geninho, Heleno, Gonzalez e Pirica

Em nova vitória sobre o Madureira A.C., agora por 3 a 1, gols de Paschoal (2) e Pirica, o Botafogo atuou assim em 16/08/1942: Ary, Caieira e Bibi; Ivan, Hélio e Zarcy; Paschoal, Geninho, Heleno, Gonzalez e Pirica.

(Imagem: Esporte Ilustrado)

Concluímos com a formação do Botafogo que a 07/11/1942, em partida amistosa, empatou em 3 a 3 com o São Paulo F.C., tendo marcado Gonzalez, Patesko e Heleno para o Alvinegro: Ary (Aymoré), Caieira e Hernandez; Ivan, Santamaria e Zarcy; Patesko, Gonzalez, Heleno, Geninho e Pirica.

(Imagem: Esporte Ilustrado)

domingo, 30 de julho de 2017

Perivaldo, o 'Peri da Pituba'

dados estatísticos e súmulas: pesquisa de Pedro Varanda; introdução: Claudio Falcão


Faleceu nesta semana no Hospital Universitário Gaffrée e Guinle, Tijuca – Rio de Janeiro, o antigo lateral-direito botafoguense Perivaldo.

Nome completo: Perivaldo Lúcio Dantas
Nascimento: Itabuna (BA), 12/07/1953.
Falecimento: Rio de Janeiro (RJ), 27/07/2017.

Segue um resumo da passagem de Perivaldo pelo Alvinegro carioca:

Atuou pelo Botafogo de 1977 a 1982.
Jogos: 282 e
Gols: 34 gols pelo BFR.

Estreia:

BOTAFOGO 0 x 1 BAHIA (BA)
Data – 19/01/1977
Local – Fonte Nova (Salvador)
Competição – Amistoso
Botafogo – Wendell, Perivaldo, Osmar, Nílson Andrade e Jorge Luiz; Carbone, Marcos Aurélio (Manfrini) e Mendonça; Cremílson, Dé e Tiquinho. Técnico: Sebastião Leônidas. Obs.: Estrearam Jorge Luiz Dias, Perivaldo Lúcio Dantas e Domingos Elias Alves Pedra (Dé, o ‘Aranha’). 
Fontes: JB, Jornal dos Sports e BFR

Despedida:

BOTAFOGO 6 x 0 SELEÇÃO IGUAÇUENSE (PR)
Data – 12/12/1982
Local – Foz do Iguaçu (PR)
Competição – Amistoso
Botafogo – Paulo Sérgio (Luiz Carlos), Perivaldo, Abel (Eraldo), Gaúcho e Wagner Pepeta; Oswaldo (Josimar), Mendonça e Té; Geraldo (Chicão), Mirandinha e César. Técnico: Zé Mário. Gols: Té (3), Mirandinha (2) e Perivaldo.
Fontes: Jornal dos Sports e BFR

Nota: Leia também sobre Perivaldo em http://datafogo.blogspot.com.br/2014/08/jogadores-baianos-no-botafogo.html.