quarta-feira, 30 de julho de 2014

Adalberto, Goleiro Campeão Carioca de 1957

pesquisa de Claudio Falcão


Adalberto Leite Martins, o antigo goleiro Adalberto, nasceu em São Paulo a 23 de abril de 1931.

Começou sua carreira futebolística no alvinegro E.C. Cocotá, da Ilha do Governador, transferindo-se para os juvenis do Fluminense F.C. em 1948. Em julho de 1955 foi negociado pelo Tricolor com o Jabaquara A.C., de Santos (SP), tendo disputado por esta agremiação os campeonatos paulistas de 1955 e 1956.

Retornando ao Rio de Janeiro, filiou-se ao Botafogo F.R. em meados de 1957, tendo estreado pelo Glorioso no Torneio Início daquele ano, disputado em 14 de julho, e, em 22 de dezembro de 1957, sagrou-se campeão carioca pelo Alvinegro, na magnífica vitória de 6 a 2 sobre seu antigo clube, o Fluminense.

Campeões cariocas de 1957: da esquerda para a direita, em pé -
Adalberto, Thomé, Servílio, Nílton Santos, Pampolini e Beto;
agachados - Garrincha, Paulinho Valentim, Didi, Édison e Quarentinha
(A Noite, 23/12/1957)

Títulos de Adalberto pelo Botafogo:

Campeonato Carioca – 1957.
Campeonato Carioca de Aspirantes – 1958-1959.
Torneio Quadrangular de Bogotá – 1960.
Torneio Triangular da Costa Rica – 1961.
Taça Antônio Gomes de Avellar (Aspirantes) – 1961.
Torneio Pentagonal do México – 1962.

Nota: não atuou nos campeonatos cariocas de 1961 e 1962.

Pela equipe principal do Glorioso competiu em 81 partidas, de 1957 a 1962, sofrendo 79 gols (pesquisa de Pedro Varanda).

Atualmente permanece ligado ao Botafogo, ainda frequentando as dependências do Clube, do qual é sócio emérito.

[Fontes: Diário da Noite, 15/07/1955 e 23/12/1957; Correio da Manhã, 17/07/1955; O Globo, 25/07/1955, 15/07 e 23/12/1957; Jornal do Brasil, 29/09/1956; A Noite, 21/12/1957 e site RSSSF Brasil.]

2 comentários:

  1. Tive com ele recentemente num evento em General Severiano e este me contou que parou de jogar aos 29 anos, portanto em 1960.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, Wesley.
      Grato pelo contato, mas certamente o Adalberto se enganou, pois a última partida dele pelo Botafogo foi em 1962.
      Muitos anos se passaram, e a memória do antigo goleiro o traiu...

      Saudações Botafoguenses Campeãs!

      Excluir