sexta-feira, 2 de agosto de 2013

Confrontos Botafogo F.R. x E.C. Vitória

pesquisa de Pedro Varanda

(foto: Eduardo Falcão)

Com o triunfo da noite desta quinta-feira, que marcou o retorno do Botafogo como ‘mandante de campo’ ao Maracanã e à liderança do Campeonato Brasileiro, ficou assim o retrospecto das partidas entre o Glorioso e o rubro-negro baiano:

BOTAFOGO F.R. x E.C. VITÓRIA (BA)

Total de jogos – 41
Vitórias do Botafogo – 14
Vitórias do Vitória – 15
Empates – 12
Gols do Botafogo – 63
Gols do Vitória – 64

1° Jogo – 24/10/1935 – Botafogo 7 a 2 (Amistoso), Campo da Graça (Salvador).
Gols do Botafogo: Carvalho Leite (4), Álvaro, Pirica e Patesko.
Gols do Vitória: Bahiano e Gazinho.

Último – 01/08/2013 – Botafogo 2 a 0 (Campeonato Brasileiro), Maracanã.
Gols: Vitinho e Elias.

Maiores goleadas:

24/10/1935 – Botafogo 7 a 2 (Amistoso), Campo da Graça (Salvador).
BOTAFOGO 7 x 2 VITÓRIA (BA)
Data: 24/10/1935
Local: Campo da Graça, Salvador
Árbitro: Alberto Gambarota
Competição: Amistoso
Gols: Bahiano (de penalty), Carvalho Leite (de cabeça), Carvalho Leite, Carvalho Leite, no 1º tempo; Carvalho Leite (de cabeça), Gazinho, Álvaro, Pirica (de cabeça) e Patesko, no 2º tempo
Botafogo: Alberto, Albino (Octacílio) e Nariz; Affonso, Luciano e Canalli; Álvaro, Leônidas da Silva, Carvalho Leite, Pirica e Patesko
Vitória: Zequinha, Renato e Bisa; Buzzine (Carapicu), Nezinho e Walter (Wanderley); Bahiano, Nova, Mozart (Palito), Raul e Gazinho
Obs.: O goleiro Zequinha também era conhecido como Nova.
Fonte: A Tarde, de Salvador

09/07/2008 – Vitória 5 a 2 (Campeonato Brasileiro), Barradão.
Gols do Botafogo: Lúcio Flávio e Wellington Paulista.

Decisão:
  
BOTAFOGO 1 x 0 VITÓRIA
Data: 08/09/1974
Local: Hélio Prates da Silveira (segundo o 'JS') ou Presidente Médici (segundo o 'JB'), Brasília
Árbitro: Édson Rezende
Assistentes: Cid Fonseca e Adélio Nogueira
Competição: Torneio Independência do Brasil
Gol: Nílson Dias, aos 8’ do 1° tempo
Botafogo: Wendell, Waltencir, Mauro Cruz, Osmar e Marinho Chagas; Nei Conceição, Marcos Aurélio e Dirceu; Nílson Dias, Puruca e Fischer (Jorge Luís). Técnico: Zagallo
Vitória: Agnaldo, Roberto Oliveira, Válter, Vavá (Róbson) e Valença; Roberto Meneses, Gibira e Mário Sérgio; Osni, André e Davi. Técnico: Bengalinha
Obs.: Botafogo, campeão do Torneio Independência do Brasil.
Fontes: Jornal dos Sports e Jornal do Brasil

10 comentários:

  1. Claudio. Maravilhosos estes posts com a história dos nossos confrontos. Sugiro a você e ao Varanda um post com os juniores que foram lançados, ano a ano, nas últimas décadas. Mostraria a realidade atual, que alegra a todos nós. Só no ano passado e neste uma dezena de bons garotos estrearam. Um abraço e mais uma vez parabéns pelo blog. Marcos Moura

    ResponderExcluir
  2. Olá, Marcos.
    Depois da fase áurea, dos anos 60, acredito que nossas maiores revelações foram o Osmar Guarnelli e o Nílson Dias (anos 70), o Josimar e o Alemão (anos 80), além do Beto (anos 90), este último vindo do Mato Grosso, mas que chegou a atuar nos nossos Juniores. Bom, isso só de memória, que tantas vezes falha...
    No início dos anos 2000 tivemos o Almir, mas que não chegou a 'vingar', tendo se destacado apenas na série B (2003).
    E depois do Almir, creio que tenha sido essa geração que subiu no ano passado, que tanto nos tem agradado e que esperamos que possa frutificar em grandes conquistas.
    Levarei o tema ao Pedro e vamos ver o que pode vir por aí.

    E mais uma vez grato pelo incentivo.

    ResponderExcluir
  3. Marcos, conforme mencionei ontem, nossa memória falha algumas vezes.
    Veja que me esqueci de citar Zé Carlos (goleiro), Mendonça (esquecimento imperdoável), Luisinho Rangel e Luisinho Quintanilha, por exemplo.
    Mas já foram feitas postagens no DataFogo sobre os agora mencionados Zé Carlos, Mendonça, Luisinho Quintanilha, bem como sobre Alemão e Josimar, não é mesmo?

    Saudações Botafoguenses Campeãs!

    ResponderExcluir
  4. Grande lembrança, Claudio. Sem dúvidas, todos os citados por você foram grandes jogadores. Agora, temos uma safra boa também. Dória, Gabriel, Vitinho, Gilberto, Cidinho, sem contar o Jadson já negociado. Tomara todos tenham condições de jogar muito aqui, antes de serem vendidos. Grande abraço. Marcos Moura

    ResponderExcluir
  5. Boa noite.

    Atualizando os números:

    BOTAFOGO F. R. x E. C. VITÓRIA (BA)
    Total de jogos – 45
    Vitórias do Botafogo – 15
    Vitórias do Vitória – 17
    Empates – 13
    Gols do Botafogo – 67
    Gols do Vitória – 68

    Saudações Alvinegras.


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa noite, Pedro.
      E grato pela atualização enviada.

      Saudações Botafoguenses Campeãs!

      Excluir
  6. Alguém sabe da atualização dos confrontos entre botafogo e Vitória?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado leitor.
      Após a postagem foram mais 6 jogos, sendo 2 vitórias do Botafogo (2 a 0 e 2 a 1, ambas pelo Campeonato Brasileiro da Série B – 2015), 2 empates (ambos por 1 a 1, em 2014 e 2016) e 2 vitórias do E.C. Vitória (1 a 0 e 2 a 1, em 2013 e 2014).
      Ficou assim o retrospecto: J – 47, V – 16, E – 14, D – 17, GP – 70 e GC – 70.

      Saudações Botafoguenses Campeãs!

      Excluir
  7. Acrescentando o histórico com o jogo de ontem (Vitória 0x1 Botafogo -Pimpão):

    J – 48, V – 17, E – 14, D – 17, GP – 71 e GC – 70.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado por manter a postagem atualizada.
      Sem dúvida é um retrospecto bastante equilibrado.

      Saudações Botafoguenses Campeãs!

      Excluir