quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

O Botafogo inaugurando Campo, Arquibancadas ou Refletores (I)

pesquisa de Pedro Varanda

Súmulas de jogos de inaugurações na década de 10:

13-11-1910 – Botafogo 5 x 1 São Cristóvão (arquibancada do campo da Praça Marechal Deodoro).

BOTAFOGO 5 x 1 SÃO CRISTÓVÃO
Data: 13/11/1910
Local: Campo Público de São Cristóvão, Rio de Janeiro
Árbitro: Alberto Leite Imbuzeiro
Competição: Amistoso (Taça Prefeitura)
Gols: Abelardo de Lamare (2) e Pedro Barroso, no 1° tempo; Décio Viccari e Abelardo de Lamare (2), no 2° tempo
Botafogo: Coggin, Edgard Pullen e Dinorah; Juca Couto, Lulu Rocha e Rolando de Lamare; Emmanuel Sodré, Abelardo de Lamare, Décio Viccari, Mimi Sodré e Lauro Sodré
São Cristóvão: Arthur Azevedo, Waldemar Guimarães e Francisco Barroso; Gentil Andrade, José Rollo e Martinho Tatu; João Pereira, Carlos Cantuária, Álvaro Cunha, Pedro Barroso e Rega
Obs.: 1) Inauguração das arquibancadas; 2) O Botafogo conquistou a Taça Prefeitura.
Fontes: Jornal do Commercio, O Paiz e colaboração de Raymundo Quadros (pesquisador dos jogos do São Cristóvão F.R.).


13-05-1913 – Botafogo 1 x 0 Flamengo (Estádio de General Severiano, arquibancada de madeira).

BOTAFOGO 1 x 0 FLAMENGO
Data: 13/05/1913
Local: General Severiano, Rio de Janeiro
Árbitro: Mário Pernambuco
Competição: Campeonato Carioca
Gol: Mimi Sodré, aos 26’ do 1° tempo
Botafogo: Álvaro Werneck, Edgard Dutra e Edgard Pullen; Pino, Rolando de Lamare e Juca Couto; Villaça, Abelardo de Lamare, Facchine, Mimi Sodré e Lauro Sodré
Flamengo: Casusa, Píndaro e Nery; Gallo, Amarante ‘Zalacain’ e Lawrence; Orlando ‘Bahiano’, Alberto Borgerth, Figueira ‘Joca’, Dell Nero e Raul de Carvalho
Obs.: Inauguração do campo de General Severiano, em Botafogo, com arquibancadas de madeira.
Fontes: Gazeta de Notícias e Jornal do Brasil


28-05-1916 – Botafogo 1 x 2 América (Novas arquibancadas do Estádio da Rua Campos Salles).

BOTAFOGO 1 x 2 AMÉRICA
Data: 28/05/1916
Local: Rua Campos Salles, Rio de Janeiro
Árbitro: Affonso de Castro
Competição: Campeonato Carioca
Gols: Gabriel de Carvalho e Arlindo (1° tempo); Ojeda (2° tempo)
Botafogo: Cyro, Wigand e Osny; Jones, Teague e Rolando de Lamare; Luiz Menezes, Aluízio, Vadinho, Arlindo e Edrupt
América: Ferreira “Quinquim”, Paulino e De Paiva; Adhemar, Ojeda e Paula Ramos; Haroldo, Gabriel de Carvalho, Badu, Álvaro Cardoso e Nélson
Obs.: 1) Joaquim Martins Ferreira, o ‘Quinquim’, atleta do AFC; 2) Segundo ‘O Imparcial’, o BFC atuou com 10 jogadores desde os 15 minutos de jogo, pois Jones levou uma cabeçada de Haroldo e deixou o campo contundido; 3) Também de acordo com ‘O Imparcial’ e o ‘Correio da Manhã’, o segundo tento do AFC foi de Haroldo e não de Ojeda, como informaram ‘A Época’ e a ‘GN’.
Fontes: A Época e Gazeta de Notícias


03-05-1917 – Botafogo 2 x 2 Fluminense (Estádio do Sport Club Brasileiro, na rua Itapiru, Rio).

BOTAFOGO 2 x 2 FLUMINENSE
Data: 03/05/1917
Local: Rua Itapiru, Rio de Janeiro
Árbitro: Romeu D’Ambrózio
Competição: Amistoso
Gols: Vadinho e Waldemar Serra, no 1° tempo; Celso (2), no 2° tempo
Botafogo: Cazuza, Americano e Osny; Pino, Adherbal e Jones; Mário Pinto, Aluízio, Vadinho, Waldemar Serra e Léo
Fluminense: Marcos Mendonça, Vidal e Chico Netto; Laís, Oswaldo Gomes e Franco; Zezé, Couto, Celso, Moraes e Bernardez
Obs.: Inauguração do campo do S.C. Brasileiro, clube que fora fundado em 31-08-1916.
Fontes: Correio da Manhã, Gazeta de Notícias, O Imparcial e O Paiz


26-01-1919 – Botafogo 6 x 1 Sport Recife (Estádio da Avenida Malaquias, em Recife).

BOTAFOGO 6 x 1 SPORT RECIFE (PE)
Data: 26/01/1919
Local: Campo do Sport C. Recife, na Av. Malaquias
Árbitro: Altamiro Mourão dos Santos
Competição: Amistoso (Taça Inauguração do Estádio)
Gols: Candiota, Petiot e Candiota (1° tempo); Petiot, Santinho, Paulo Burlamaqui e Pedro Mazullo (2° tempo)
Botafogo: Casusa, Monti e Osny; Pollice, Vadinho e Paulo Burlamaqui; Celso, Petiot, Santinho, Candiota e Neco
Sport Recife: Franco, Chalmers e Armindo; Manta, Antônio Mazullo e Eurico; Salazar, Baptista, Pedro Mazullo, Benedicto e Rodrigues
Obs.: O Botafogo conquistou a Taça Inauguração do Estádio.
Fontes: O Paiz e o Futebol no Botafogo


Súmulas de jogos de inaugurações na década de 20:

25-04-1920 – Botafogo 5 x 0 Byron (Arquibancadas do campo da Rua Doutor March, Niterói).

BOTAFOGO 5 x 0 BYRON (RJ)
Data: 25/04/1920
Local: Rua Dr. March, Barreto, Niterói (RJ)
Competição: Amistoso, Troféu Alfredo Eubanck
Gols: Petiot (2), Leite de Castro, Arlindo e Fernando Murtinho
Botafogo: Oliveira, Monti e Sylla; Baby Rodrigues, Alfredinho e Pollice; Leite de Castro, Petiot, Fernando Murtinho, Arlindo e Tuca 
Obs.: 1) Inauguração das arquibancadas; 2) Na preliminar, Ararigboya F.C. 3 x 1 Fluminense A.C.; 3) O Botafogo conquistou o Troféu Alfredo Eubanck.
Fontes: Boletim do Botafogo n° 51, de outubro de 1945, página 14; Gazeta de Notícias e Jornal do Brasil.


01-05-1921 – Botafogo 1 x 0 Sport de Juiz de Fora (Arquibancadas do estádio do Sport Club de Juiz de Fora – MG).

BOTAFOGO 1 x 0 SPORT DE JUIZ DE FORA
Data: 01/05/1921
Local: Juiz de Fora (MG)
Árbitro: Álvaro Felicíssimo
Competição: Amistoso
Gol: Petiot, no 1° tempo
Botafogo: Oliveira, Palamone e Allemão; Pollice, Alfredinho e Coló; Leite de Castro, Nilo, Vadinho, Petiot e Elviro
Sport de Juiz de Fora: Bombach, Magon e Goyatá; Urbano, Ânderson e Dimas; Coelho, Mário Braga, Jonas, Camargo e Orlando
Obs.: Inauguração das arquibancadas.
Fontes: O Futebol no Botafogo e O Paiz


08-05-1927 – Botafogo 3 x 2 S.C. Brasil (Estádio da ‘Chacrinha’, do S.C. Brasil, na Avenida Pasteur).

BOTAFOGO 3 x 2 S.C. BRASIL
Data: 08/05/1927
Local: Praia Vermelha-Urca, Rio de Janeiro
Árbitro: Eduardo Gibson
Competição: Campeonato Carioca
Gols: Juca, Nilo e Sarmento (1° tempo); Nilo e Alkindar (2° tempo)
Botafogo: Neiva (Clóvis), Couto e Allemão; Jeronymo, Rogério e Octacílio; Ariza, Alkindar, Nilo, Neco e Orlando Torres
S.C. Brasil: Archiope, Paredes e Bianco; Arthur, Lincoln e Neves; Lusitano, Juca, Bebeto, Octávio e Sarmento
Obs.: Primeira partida (inauguração do campo) e vitória na “Chacrinha” (antigo campo do S.C. Brasil).
Fontes: A Noite, O Globo, O Imparcial e O Paiz

Nenhum comentário:

Postar um comentário